2 de dezembro de 2009

LIVROS – Margaret Mee e as Flores da Floresta Amazônica



Para os amantes da natureza, principalmente os apaixonados por orquídeas e bromélias, o nome de Margaret Mee dispensa apresentações. Inglesa, com formação em artes plásticas, ela se apaixonou pelo Brasil numa viagem à São Paulo para visitar uma irmã, e aqui radicou-se - primeiro em São Paulo e depois no Rio de Janeiro. Unindo seu extraordinário talento artístico, ao conhecimento de botânica que foi adquirindo no decorrer de seu trabalho, ela realizou diversas expedições à floresta amazônica, reproduzindo suas flores em detalhes, e no próprio “habitat” natural, e agindo sempre com extremo cuidado na preservação desses espécimes.
O resultado dessas viagens foram alguns milhares de desenhos e aquarelas, que fazem parte de importantes acervos de museus e instituições de pesquisa, principalmente na Inglaterra, e que já foram publicados em diversos volumes, para o encanto de seus admiradores.
Sua primeira viagem à região amazônica foi feita em 1956, quando ela contava 47 anos. Loira, de estatura pequena e aparência franzina, ela foi entretanto uma corajosa pesquisadora, que não se intimidou com as condições adversas, com o desconforto e o perigo, para realizar estudos botânicos que jamais foram igualados. Durante 32 anos ela realizou várias viagens à Amazônia, sendo a última em 1988, aos 79 anos, e então apoiada numa bengala, em conseqüência de um problema na bacia, resultante de uma queda.
Amiga de Burle Marx, ela foi aclamada ao mesmo tempo por autoridades em botânica quanto por críticos de arte. Ela estudou botânica com o especialista em orquídeas Guido Pabst e com Richard Evans Schultes. Ela identificou nove novas espécies de plantas anteriormente desconhecidas, sendo que algumas foram batizadas em sua homenagem, como a Aechmea meeana e a Neoregelia margaretae.
Uma das edições mais acessíveis sobre o trabalho de Margaret Mee é o volume Flores da Floresta Amazonica, reunindo sessenta de suas principais obras, e com desenhos adicionais. Um belo volume em capa dura, pode ser uma excelente sugestão para presente de Natal, e encontra-se á venda na Livraria Nobel, do Resende Shopping, por apenas R$ 99,00.
Célia Borges

3 comentários:

Olhos Verdes disse...

Oi querida!!! Queria me presentear com este livro obra maravilhoso, com certeza!!!
Esta mulher é uma grande motivação para mim. Começou nesta aos 47 anos e eu, com 30, penso que ainda é muito cedo para achar que não posso realizar muitos dos sonhos que pretendo e nem sei como começar...
Um grande beijo e obrigada por mais estas palavras valiosíssimas!!!
Da sua grande fã Pri

Maria Fernanda disse...

A Margaret Mee era, além de extraordinária artistas, uma mulher de grande sabedoria, um ser humano ímpar. Muito especial para um mundo tão comum e vulgar.

Imenso beijo Celinha e parabéns pelo Blog: oportundo, bem feito, indispensável.

Magda

Gura Dju disse...

Olá, sou de Manaus e com certeza nossa flora é exuberante.No Monte Roraima existem muitas plantas exoticase p/ vc amante do verde, procure na net, vc vai amar. Meu e-mail é melkenia@hotmail.com. Abraços e obrigada por dividir esse espaço com muitas pessoas.